Skip to content

Bolsonaro chegará em 2020 disposto a ampliar à Posse e Porte de Arma de fogo no país

AJUDE COMPARTILHANDO

O porte e à posse são umas das principais bandeiras defendidas por Bolsonaro durante a corrida eleitoral, e é a que mais abre discussão nos debates públicos, que no congresso, que entre amigos. Sempre haverá seus defensores e opositores.

O presidente Jair Bolsonaro pediu neste domingo (29), que o Congresso Nacional aprove a ampliação da posse e do porte de armas no país. Em postagem no Twitter, ele relacionou o crescimento no registro de armas de fogo à diminuição do número de mortes.

“Registro de armas de fogo cresceu 50% no corrente ano, levando-se em conta o mesmo período de 2018. Segundo ‘especialistas’, o número de mortes deveria aumentar no Brasil, mas na prática caiu 22%. Dependo do Parlamento para ampliar o direito à posse/porte para mais cidadãos”, escreveu o presidente.

Tudo indica que 2020 será recheado de discussões sobre à posse/porte de armas de fogo. As pessoas continuam divididas sobre o assunto que causa muita polêmica, mesmo com as baixas nos números de crimes violentos em 2019.

Tabela Dados Segurança Pública

O presidente da República está na Base Naval de Aratu, unidade da Marinha em São Tomé de Paripe, em Salvador. Bolsonaro deixou Brasília na tarde de sexta-feira (27) para passar o recesso de fim de ano na capital baiana.

Comments are closed, but trackbacks and pingbacks are open.

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.