Brasil: Bolsonaro pensa em demitir ministro da saúde
Compartilhe

Bolsonaro joga contra ele mesmo, o presidente vem se mostrando seu pior inimigo!

O governo Jair Bolsonaro vem se mostrando muito desafiador para muitos integrantes com um chefe neurótico e lunático por atenção feito menino mimado birrento. Nesse domingo (5) o presidente fez ameaça velada ao seu ministro da saúde Luiz Henrique Mandetta “algumas pessoas” do seu governo “de repente viraram estrelas e falam pelos cotovelos”, e que não tem medo nem “pavor” de usar a caneta contra eles. Ele, no entanto, disse que “a hora deles não chegou ainda”.

A declaração ocorre três dias depois de Bolsonaro declarar, em entrevista, que nenhum de seus ministros é ‘indemissível’ e que ‘falta humildade’ ao titular da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, com quem admitiu estar “se bicando”.

Em meio a tantas farpas trocadas com o ministro Jair Bolsonaro decidiu demitir ainda nesta segunda-feira o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, em meio à crise do novo coronavírus. O ato oficial de exoneração de Mandetta está sendo preparado nesta tarde no Palácio do Planalto. O deputado federal Osmar Terra ex-ministro da Cidadania, é o mais cotado para substituí-lo.

A informação sobre a exoneração de Mandetta foi confirmada ao GLOBO por dois auxiliares do presidente da República.

O presidente não admite que nenhum dos seus ministros possa brilhar mais que ele, o Bolsonaro sofre com a baixa autoestima e como o garotinho dono da bola, sempre que contrariado pega a bola e não deixa mais ninguém jogar ou simplesmente decide quem brinca ou não, essa postura infantil já havia se manifestado contra o ministro Sergio Moro.

LAMENTÁVEL, O BRASIL SAI PERDENDO EM CASA DESMANDO DE BOLSONARO.

Deixe seu comentário

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.
Open chat