SpaceX poderá usar Centro Espacial de Alcântara
Compartilhe

No dia 31 de maio alertamos por meio da matéria: Centro de Lançamento de Alcântara volta ao centro das atenções após lançamento da SpaceX no USA. O lançamento do foguete da SpaceX, empresa privada em parceria com a NASA é uma parceria pública\privada que deu muito certo.

O governo federal lançou nesta segunda-feira (1), a portaria Nº 182, de 28 de maio de 2020, através do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações/Agência Espacial Brasileira, para instituir procedimentos e estabelecer requisitos sobre licença de operador para execução de atividades espaciais de lançamento no território brasileiro.

A portaria abre as portas do Centro Espacial de Alcântara (CEA) para empresas privadas nacionais ou estrangeiras, interessadas em utilizar os bens e serviços para o lançamento de veículos espaciais não militares empregando o CEA.

O CEA consiste no conjunto de bens e serviços utilizados para o lançamento de veículos espaciais não militares em território nacional, proporcionando uma infraestrutura necessária para dar suporte às atividades específicas de empresas de lançamento. Essa condição é necessária para viabilizar a inserção brasileira no mercado internacional e regional na área espacial.

O filho do presidente, o deputado Eduardo Bolsonaro usou sua conta no instagram para falar sobre o assunto, confira:

https://www.instagram.com/p/CA6Ra5llV4b/

Em termos comparativos, o Centro Espacial de Alcântara possui características únicas como a localização privilegiada dos sítios disponíveis, a aproximadamente 2º18’ a sul do equador; proximidade do mar, o que possibilita lançamentos em órbitas polares e equatoriais; baixa densidade demográfica; ausência de incidência de terremotos e furacões; baixa densidade de tráfego aéreo; e localidade ideal para lançamentos sob demanda (responsive launches), entre outras.

Deixe seu comentário

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.
Open chat