Desembargador determina que Netflix e Portas dos fundos devem retirar do ar Especial de Natal
Compartilhe

Desembargador do TJ do Rio, Benedicto Abicair, da 6ª Câmara Cível, determina que a produtora Porta dos Fundos e a Netflix terão de retirar do ar o Especial de Natal Porta dos Fundos: A Primeira Tentação de Cristo.

No ar na plataforma de streaming desde o final de dezembro, a produção vem sofrendo várias críticas por parte da comunidade cristã. Existem abaixos assinados com milhões de assinaturas pedindo a retirada do filme do ar.

A decisão vem de encontro a um pedido feito pela Associação Centro Dom Bosco de Fé e Cultura.

O pedido foi negado em primeira instância, mas acatado em segunda instância.

Nota de conclusão do desembargador:

Por todo o exposto, se me aparenta, portanto, mais adequado e benéfico, não só para a comunidade cristã, mas para a sociedade brasileira, majoritariamente cristã, até que se julgue o mérito do Agravo, recorrer-se à cautela, para acalmar ânimos, pelo que concedo a liminar na forma requerida

Qual sua opinião sobre o assunto? Deixe seu comentário logo abaixo, gostariamos de saber seu posicionamento.

Abrir converva
Olá!
Como posso ajudar?