Dino Penha já recebeu mais de R$ 11 milhões via Fundeb em 2022 e nega reajuste salarial a professores; ao todo foram recebidos mais de R$ 21 milhões

AJUDE COMPARTILHANDO

O prefeito de São Bento, Dino Penha (PL), começou 2022 se negando a reajustar devidamente o salário dos professores como estipulado em lei federal.

Somente este ano, de 1º de janeiro a 1º de março, o município já recebeu o total tota 21.367.595,68. Desse valor, exatos R$ 11.432.697,85 entraram via Fundeb, o que totaliza 53,50% de valores recebidos pelo município.

Mesmo com tanto dinheiro nas contas da prefeitura de São Bento, em especial nas da educação, o prefeito Dino Penha se nega a pagar o reajuste dos professores e segue a queda de braço que só prejudica o desenvolvimento e valorização do magistério municipal.

Confira o extrato de recebimento:

Deixe seu comentário

error: