VÍDEO – Jota Pinto repercute protesto de pais contra o fechamento de Colégio Militar no Parque Vitória

|

Parlamentar criticou a gestão municipal por ter rescindido convênio com o Governo do Estado, ocasionando o fechamento da unidade de ensino e prejudicando milhares de alunos.

O deputado Jota Pinto (Podemos) repercutiu, na sessão plenária desta quarta-feira (6), um protesto realizado por pais de alunos contra o fechamento do Colégio Militar Tiradentes, no bairro Parque Vitória, em São José de Ribamar. O parlamentar criticou a gestão municipal por ter rescindido o convênio com o Governo do Estado, o que ocasionou o fechamento da unidade de ensino e prejudicando milhares de alunos.

“Hoje, qualquer prefeito quer ter uma Escola Militar no seu município. Hoje, os melhores indicadores do Estado vêm das Escolas Militares. Isto nos mostra que, em Ribamar, o prefeito não está muito preocupado com a questão da educação. Eu faço um apelo ao prefeito de Ribamar para que reveja essa posição de romper e cancelar esse convênio com o Governo do Estado”, pediu o deputado Jota Pinto.

O parlamentar disse ainda que os pais não foram ouvidos e conclamou o apoio dos demais deputados da Casa e da Comissão de Educação para que, juntos, busquem uma solução para os milhares de alunos que já estavam esperando o início das aulas.

“Faço um apelo ao prefeito de Ribamar, Dr. Julinho, que reveja essa situação. Não é pela questão de vaidade, eu tenho que ver e pensar nestas crianças. São mais de mil crianças na região do Parque Vitória que estão sem uma escola, uma escola de qualidade. Hoje, o Governo do Estado está ampliando essas Escolas Militares para outros municípios. Como eu falei no início, qualquer prefeito hoje quer receber uma Escola Militar em seu município e lá em Ribamar vão fechar uma”, lamentou o deputado Jota Pinto.

Veja o discurso do parlamentar:

Leia mais notícias em joerdsonrodrigues.com.br siga nossa página no Twitter, Facebook e no Instagram @joerdsonrodrigues. Envie fotos, denúncias e informações ao blog por meio do WhatsApp (98) 93300-0985.

Deixe seu comentário