Pinheiro: Mulher é presa em flagrante dentro de banco com documento falso tentando sacar benefício do INSS

|

Nesta quarta-feira (12), por volta das 10h30, no centro da cidade de Pinheiro, uma mulher foi detida suspeita de usar documento falso para sacar benefícios do INSS. A detenção ocorreu no banco Sicoob.

Segundo informações da obtidas, a suspeita, identificada como Maria Lina de Sousa, foi conduzida até o 1º Distrito de Polícia Civil de Pinheiro. Ela teria tentado realizar o saque utilizando documentos em nome de Simone Barbosa.

Relatos obtidos, apontam que a Polícia Civil recebeu a informação sobre a tentativa de saque com documento suspeito, e, após análise do documento apresentado pela suspeita, foi verificado que o número do RG correspondia a um documento registrado em nome de um indivíduo do sexo masculino.

Funcionários do banco relataram à polícia que a suspeita já havia realizado saques anteriormente. Entretanto, o sistema do banco havia bloqueado para atualização, e, quando ela retornou, os funcionários suspeitaram da veracidade dos documentos apresentados, o que motivou a chamada à Polícia Civil.

Ao ser questionada, a mulher admitiu que seu verdadeiro nome era Maria Lina de Sousa, residente em São Luís, Maranhão, e confessou que já havia sido presa anteriormente pelo mesmo crime: uso de documento falso para sacar benefícios do INSS. Ela também relatou à polícia que havia recebido o benefício mais de cinco vezes, em duas das quais sem o cartão de benefício. Segundo a mulher, o cartão e o documento falsificado foram fornecidos por um homem chamado Antônio, com quem ela dividia o valor do benefício após o saque.

Apesar das confissões, a suspeita afirmou que não conhece Antônio pessoalmente, nem sabe onde ele mora, e que ele é quem vai até sua casa.

Em face das evidências apresentadas e da confissão, foi dada voz de prisão a Maria Lina de Sousa, que foi conduzida à delegacia. As investigações continuam para identificar e localizar o indivíduo conhecido como Antônio e apurar a extensão do esquema de fraude.

Leia mais notícias em joerdsonrodrigues.com.br siga nossa página no Twitter, Facebook e no Instagram @joerdsonrodrigues. Envie fotos, denúncias e informações ao blog por meio do WhatsApp (98) 93300-0985.

Deixe seu comentário