Veja o futuro repetindo o passado: Folha Santa do Paço com nova roupagem e personagens

|

Em Paço do Lumiar, a gestão Paula da Pindoba, está sendo suspeita de mais um grave crime e visto como uma prática macabra: o uso de dinheiro público para financiar candidaturas políticas, tanto no próprio município quanto em outros.

Thank you for reading this post, don't forget to subscribe!

Veja os personagens

Marcos Serra é um dos beneficiários deste esquema. Com o apoio total da prefeitura, ele aspira a uma cadeira no legislativo municipal e, mais ambiciosamente, à presidência da Câmara. Rumores sugerem que seu acesso privilegiado deve-se a um suposto relacionamento com a filha da prefeita.

Marcos Serra

Além de Serra, outros nomes surgem como parte deste projeto de financiamento. Ramon Ribamarense, com indicações na chamada “Folha Santa do Paço”, pretende concorrer a vereador em São José de Ribamar. Gleydson Iago, um de seus indicados, é exemplo da influência de Ramon.

Ramon Ribamarense e Gleydson Iago

Laesly, outro favorecido pela Santa Folha, planeja candidatar-se em São Luís, contando com o apoio de lideranças como André da Cohab, que está na Santa Folha.

Laesly e André da Cohab

A “Folha Santa” foi o termo cunhado pelo jornalista Neto Cruz para descrever um sistema paralelo de financiamento que tem sido a base para muitos políticos financiarem suas campanhas com recursos públicos de Paço do Lumiar. Um vereador novato da capital, filho de uma ex-secretária luminese, é citado como um exemplo dessa prática.

A Folha Folha de Paço estabeleceu uma fundação sólida para que candidatos a vereador nas cidades da grande Ilha possam competir com força total. Também serve de base para a possível candidatura de Paula da Pindoba à deputada estadual em 2026. No entanto, essa aspiração está ameaçada pelas operações em andamento que podem levar à sua prisão.

Leia mais notícias em joerdsonrodrigues.com.br siga nossa página no Twitter, Facebook e no Instagram @joerdsonrodrigues. Envie fotos, denúncias e informações ao blog por meio do WhatsApp (98) 93300-0985.

Deixe seu comentário