Assembleia realiza sessão solene em homenagem aos 102 anos do PCdoB

|

 Assembleia realiza sessão solene em homenagem aos 102 anos do PCdoB A Assembleia Legislativa do Maranhão realizou, na tarde desta segunda-feira (25), no Plenário Nagib Haickel, sessão solene em homenagem aos 102 anos do Partido Comunista do Brasil (PCd

A Assembleia Legislativa do Maranhão realizou, na tarde desta segunda-feira (25), no Plenário Nagib Haickel, sessão solene em homenagem aos 102 anos do Partido Comunista do Brasil (PCdoB), proposta pelo deputado Rodrigo Lago (PCdoB), que também presidiu o ato. Diversas autoridades e militantes participaram do evento.

A solenidade foi iniciada com a execução do Hino do Maranhão e a exibição de um vídeo narrando a história do partido. Em seguida, foram proferidos discursos enaltecendo a trajetória do PCdoB e sua contribuição para a democracia brasileira.

“Fazer parte da bancada do PCdoB nesta Casa Legislativa é razão de muito orgulho para mim. Com muita resistência, nosso partido mostrou como governar um Estado e construiu um Maranhão muito melhor. Foi entregue muita justiça social e aliança com muitos outros partidos. Parabenizo pelos 102 anos de muita luta e contribuições”, afirmou Rodrigo Lago.

O presidente do PCdoB/MA, deputado federal Márcio Jerry, ressaltou ser um momento especial para a legenda. “Quando você faz um recorte na história e percorre tudo o que aconteceu neste país após 25 de março de 1962, não há nenhuma luta sequer pelo que é justo que não haja a forte presença dos comunistas. Ninguém apaga aquilo que somos e nem destrói o que erguemos”.

Participaram da solenidade os deputados estaduais Júlio Mendonça (PCdoB), Othelino Neto (PCdoB), Roberto Costa (MDB), Carlos Lula (PSB) e Leandro Bello (Podemos); a secretária de Estado das Cidades e Desenvolvimento Urbano, Joslene Rodrigues, e o secretário de Estado de Igualdade Racial, Gerson Pinheiro.

Leia mais notícias em joerdsonrodrigues.com.br siga nossa página no Twitter, Facebook e no Instagram @joerdsonrodrigues. Envie fotos, denúncias e informações ao blog por meio do WhatsApp (98) 93300-0985.

Deixe seu comentário