Programa ‘Contraplano’ aborda Maio Amarelo, políticas e segurança no trânsito

|

 Agência Assembleia/ Foto: Wesley Ramos

Thank you for reading this post, don't forget to subscribe!

Assista à entrevista na íntegra 

O programa ‘Contraplano’, exibido nesta terça-feira (28), pela TV Assembleia (canal aberto digital.9.2; Max TV, canal 17; e Sky, canal 309), teve como tema ‘Políticas e Segurança no Trânsito’, com foco na campanha Maio Amarelo, ação de conscientização voltada aos condutores sobre os riscos de desrespeitar as leis de trânsito.

Participaram do debate, o juiz titular do Juizado Especial de Trânsito, Wilson Manoel de Freitas; a assistente de trânsito do Departamento Estadual de Trânsito do Maranhão (Detran-MA), Rositânia de Farias; e o presidente da ONG SOS Vidas Pela Paz no Trânsito, Lourival Cunha.

Os entrevistados abordaram diversos temas relativos às políticas e segurança no trânsito, entre os quais, as mortes de motociclistas em acidentes. Segundo o presidente da ONG SOS Vidas Pela Paz no Trânsito, Lourival Cunha, nos últimos 13 anos, em torno da metade das pessoas que morreram em acidentes de trânsito no Maranhão, são motociclistas.

“De todos os modais de trânsito, o modal motocicleta é o mais crítico. E tem um complicador, que são os motociclistas entregadores que, lamentavelmente, são contumazes infratores de trânsito”, destacou Lourival Cunha.

O Detran, segundo a assistente de trânsito, Rositânia de Farias, tem implementado ações voltadas especificamente para o motociclista. “Uma vez que é o motociclista quem mais morre no trânsito, o governo do Estado tem algumas políticas públicas voltadas para este público-alvo. Entre elas, está o projeto Detran com o Povo, no qual foram capacitados mais de mil motociclistas em ações educativas e de prevenção, em nível estadual”, reforçou Rositânia de Farias.

Segundo a assistente de trânsito, os motociclistas que mais se envolvem em acidentes de trânsito são jovens, na faixa etária entre 18 e 28 anos, principalmente, no interior do estado.

Para o juiz Wilson Manoel de Freitas, as autoridades devem ter um olhar especial para os motociclistas. “A gente observa que, de fato, os motociclistas trafegam de modo muito temerário. Por isso, é necessário termos muita atenção, notadamente em relação à educação para o trânsito”, pontuou o juiz, explicando que o juizado atua com a resolução das questões relativas a acidentes envolvendo veículos, sendo reparatória, sem viés preventivo.

Durante o programa, os convidados abordaram ainda outras questões, a exemplo dos atendimentos aos acidentados e sobrecarga do sistema de saúde, legislação atual, programas e projetos de educação para o trânsito, atuação do juizado especial de trânsito e o incentivo à política de conciliação nos conflitos de trânsito, entre outros.

O programa ‘Contraplano’ tem apresentação do jornalista João Carvalho e vai ao ar todas às terças-feiras, às 15h, na TV Assembleia.

Leia mais notícias em joerdsonrodrigues.com.br siga nossa página no Twitter, Facebook e no Instagram @joerdsonrodrigues. Envie fotos, denúncias e informações ao blog por meio do WhatsApp (98) 93300-0985.

Deixe seu comentário