BOMBA! Vários políticos incluindo prefeitos maranhenses são flagrados em boate de prostituição de Brasília após Marcha dos Prefeito; veja o vídeo:

|

Uma boate de prostituição em Brasília virou o palco de uma farra protagonizada por prefeitos de várias partes do Brasil, incluindo cerca de 20 prefeitos maranhenses, durante a 25ª Marcha dos Prefeitos. Os fatos narrados aconteceram na última quarta-feira (22) e foram flagradas ao menos 50 garotas de programa disputando a atenção dos políticos.

Thank you for reading this post, don't forget to subscribe!

Após os compromissos oficiais, os prefeitos e suas comitivas aproveitaram as noites com muito álcool e sexo. As festas, animadas e regadas a bebida cara, mostraram a falta de pudor dos políticos. Um prefeito, desinibido pela vodca com energético, não economizava para impressionar as garotas de programa, gastando até R$ 55 por latinha de energético.

Carros com placas do Poder Executivo estacionados na frente da boate denunciavam a presença dos prefeitos, que ocupavam mesas com bebidas caras, atraindo as garotas mais requisitadas. Em meio a shows de striptease, os políticos não economizavam para aproveitar a noite, pagando até R$ 1,2 mil por uma garrafa de uísque e R$ 40 por uma cerveja.

O blog teve acesso a informações que vários lobistas que atuam nos corredores dos poderes de Brasília convidaram prefeitos maranhenses para as festinhas particulares regada a mulherada, álcool, drogas e rasgação de dinheiro.

As garotas de programa esperavam ansiosamente pela Marcha dos Prefeitos, uma oportunidade de faturar alto. Uma delas, vinda de Goiás, cobrava R$ 1 mil por hora de sexo e ficaria em Brasília durante os três dias do evento. Os prefeitos não barganhavam os preços, acertando os valores e subindo aos quartos com as garotas ou saindo de carro.

Essas festas mostram um lado decadente das noites em Brasília, onde políticos gastam sem dó enquanto deveriam estar focados em resolver os problemas de suas cidades.

Leia mais notícias em joerdsonrodrigues.com.br siga nossa página no Twitter, Facebook e no Instagram @joerdsonrodrigues. Envie fotos, denúncias e informações ao blog por meio do WhatsApp (98) 93300-0985.

Deixe seu comentário